Copa de 1982

Copa de 1982
Lembranças da Copa do Mundo de 1982: veja o artigo que escrevi sobre o melhor mundial de todos os tempos

sábado, 4 de abril de 2020

Times raríssimos e espetaculares da primeira geração da Brianezi

Antiguidade é outra coisa. Magia. Infância. Futebol romântico. Época romântica. Não existiam colecionadores traidores e invejosos. Antes encontrávamos união e companheirismo. Hoje me deparo com gente boa... a maior parte ainda é séria e honesta, porém ainda temos uma pequena corja que irrita e apodrece o colecionismo em 'lama'. 
 A alegria de se adquirir objetos dos anos 70, em detrimento de botões novos dos anos 2000 pra frente. Seja de qualquer marca.
Times espetaculares e raríssimos da Brianezi 1972. Primeira geração da fábrica. E agradecimento eterno a um Antiquário que possibilitou (nesse período complicado de pandemia) uma venda exclusiva para mim pelo Mercado Livre. Obrigado pela confiança em meu trabalho sério, honesto e paixão pelo futmesa.
1-Confiança/SE 42mm. Material celulóide flexível importado do Japão. Ano: 1972 a 1976. Goleiro com faixa diagonal.
2- São Cristóvão/RJ 42mm. Material celulóide flexível importado do Japão. Ano: 1972 a 1976.
3- Fortaleza/CE 50mm. Material Acrílico Popular (POP) Maleável. Edição Super Luxo. Caixas verdes. Primeira metade dos 70´s.
4- Bahia/BA 50mm. Seleção de Ouro; botões especiais flexíveis importados, com faixas diagonais e goleiro com faixa. Final dos 70´s.
5- Vitória/BA 50mm. Material Acrílico Popular (POP). Maleável. Edição Super Luxo. Primeira metade dos 70´s.





 Augusto 1943
 Ronaldo 'Fenômeno'

Ao mestre Raimundão, com carinho
1983
Recado ao pessoal que só apenas idolatra 'duas faixas' da Brianezi.
Esses acima não tem faixas, o material é o mesmo, flexível, aliás nessa primeira geração entre 1972 a 1976 a gente observava poucos empenamentos. Diferente dos de 'duas faixas' que eram campeões em empenamentos.
Mesmo assim alguns acéfalos desprezam. E como todo 'burro', ele sai perdendo pela falta de humildade e conhecimento.

domingo, 22 de março de 2020

Taça Libertadores em andamento - Canadá 2020

Times Sul-Americanos de todos os países

Grupo A
Cerro Portenho - PAR (Brianezi)
Estudiantes - ARG (Brianezi)
Ponte Preta - BRA (Brianezi)
Cobreloa - CHI (Brianezi)

Grupo B
León - MEX (Brianezi)
Independiente - ARG (Brianezi)
Vasco - BRA (Brianezi)
Flamengo - BRA (Brianezi)

Grupo C
Internacional - BRA (Brianezi)
Nacional - URU (Brianezi)
Racing - ARG (Brianezi)
Deportivo Cáli - COL (Crakes)

Grupo D
Peñarol - URU (Brianezi)
Caldense - BRA (Brianezi)
Colo-Colo - CHI (Brianezi)
América de Cáli - COL (Crakes)

Grupo E
Boca Jrs. - ARG (Brianezi)
Santos - BRA (Brianezi)
Calouros do Ar - BRA (Brianezi)
San Lorenzo - ARG (Brianezi)

Grupo F
River Plate - ARG (Brianezi)
Alianza Lima - PER (Sportec)
Vélez - ARG (Brianezi)
LDU - EQU (Crakes)

Grupo G
Cosmos - EUA (Brianezi)
Necaxa - MEX (Crakes)
Esportivo de Bento - BRA (Brianezi)
Mineros - VEN (Brianezi)

Cartelas gratuitas nunca podem receber críticas

Botões para Sempre também reafirma que todas as cartelas históricas de coleções como Estrela 'Panelinhas' dos anos 70, Gulliver de 1977, Onze de Ouro da Saravan de 1964 e Jofer Crak´s da Pelota 1970, todas de rostos de jogadores, foram postadas por mim pela primeira vez na história em qualquer sítio de futebol de botão. Agradecimento eterno para pessoas que nem estão mais conosco como Ale di Caprio.
Portanto, se eu receber críticas, de resolução, disso ou 'daquilo', não hesitarei em postar aqui. Procurem outros sites que imitaram a temática de Botões para Sempre e que foram criados logo após o meu, pois nesse país tudo se 'COPIA'. Analisem e vejam se os tais donos irão mandar as fotos digitalizadas gratuitamente. E observem se serão melhores. Ah! não se espantem se vier um depósito $ para os senhores efetuarem para obter tais imagens.
Sempre joguei limpo e reitero que todas as cartelas são visualmente ótimas para serem adesivadas em 24mm.

O blog reafirma: não fazemos consultoria para comerciante ou ex-colecionador lucrar fácil

Botões para Sempre não faz consultoria de botões Brianezi, Sportec, Crak´s, Estrela, Gulliver, Sonata, seja lá qual for. Recebo uma porcentagem elevada de mensagens relacionadas e algumas vezes me deparo que as peças param em sites de compras com valores abusivos sendo vendidas a partir de meu conhecimento e de minhas informações. Uma dica: procurem outro trabalho, ou melhor, se é que podemos chamar de 'trabalho' para quem pensa que vai ganhar dinheiro vendendo pedaços de plásticos e quinquilharia.

quarta-feira, 11 de março de 2020

Botões para Sempre revive uma final de 36 anos atrás

Caldense e Vasco se enfrentaram em 1984 na mesa Estrelão. O time mineiro desfilava em gulliver acrílico dos anos 70, com escudo da Placar. Contava com Luizinho Lemos de carinhas original como atacante. Nos tempos de criança valia a alquimia de montar times. O Vasco da Gama já era Brianezi duas faixas flexíveis. Na oportunidade os aguerridos Gulliver, com uma campanha soberba, conquistaram o título inédito. Passados 36 anos, eis que essa final ressurge.
No Pacaembu lotado, campo neutro, as duas equipes voltaram mais fortes que antigamente. A Caldense original Brianezi duas faixas de 1977, que ficou um ano e meio na casa de outra pessoa, volta para a coleção de Botões para Sempre com muita garra e técnica e empata a partida em 3 a 3 no tempo normal, quase vendo o time carioca como campeão inédito. Na prorrogação, um gol do volante número 05 (o melhor jogador do torneio) sacramentou o bicampeonato brasileiro dos mineiros.
Vasco e Caldense, ambos Brianezi, na final da SÉRIE A de Botões para Sempre
A Campanha

Primeira fase
Sede: SP

Caldense 0 x 0 Grêmio
Fortaleza 0 x 3 Caldense
Atlético MG 0 x 0 Caldense

Oitavas
Caldense 2 x 1 Cruzeiro
Local: SP

Quartas
Caldense 2 x 1 Internacional
Local: SP

Semi
Caldense 2 x 1 Flamengo
Local: SP

Final
Vasco 3 x 3 Caldense
Pro: 0 x 1 
Local: SP